EU VIVO A SELEÇÃO

COPA DO MUNDO, SELEÇÃO BRASILEIRA, FUTEBOL DE BASE, AO VIVO, JOGOS, ESCALAÇÕES, PALPITES ONDE A BOLA ROLA

Padre Egídio descumpre prisão domiciliar com uso de tornozeleira e Justiça aciona Gaeco

Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

A Secretaria de Administração Penitenciária da Paraíba comunicou à 4ª Vara Criminal de João Pessoa que o padre Egídio de Carvalho violou as medidas cautelares impostas pela Justiça. Ele foi colocado em prisão domiciliar, com uso de tornozeleira eletrônica em abril.

Segundo informações do Centro de Monitoramento de Tornozeleira Eletrônica da Seap, Egídio de Carvalho deixou o a residência escolhida para cumprimento da prisão domiciliar sem justificativa.

As violações ocorreram no período de 18 de abril a 27 de junho, mas especificamente no dia 21 de junho, sem apresentar justificativa.

Nos dias 25 de abril a 02 de maio, Egídio saiu, porém enviou atestados médicos e no dia 18 de abril compareceu na Central para instalação do dispositivo. “Enviamos relatório com todas as saídas e os atestado médicos”, diz o ofício encaminhado pela Seap à Justiça.

O juiz José Guedes Cavalcanti Neto, da 4ª Vara Criminal da Comarca de João Pessoa, encaminhou as informações ao Gaeco do Ministério Público para posicionamento.