EU VIVO A SELEÇÃO

COPA DO MUNDO, SELEÇÃO BRASILEIRA, FUTEBOL DE BASE, AO VIVO, JOGOS, ESCALAÇÕES, PALPITES ONDE A BOLA ROLA

Atriz que ganhou o Oscar há 70 anos está viva e completa 100

Foto/Reprodução.

A atriz norte-americana Eva Marie Saint faz 100 anos nesta quinta-feira, 04 de julho de 2024. Ela ganhou o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 1954 por seu desempenho em Sindicato de Ladrões.

Se considerarmos vencedores do Oscar nas categorias de Melhor Ator, Melhor Atriz, Melhor Ator Coadjuvante e Melhor Atriz Coadjuvante, Eva Marie é, atualmente, quem tem mais idade entre os que sobreviveram. Até 2020, era Olivia de Havilland.

Eva Marie Saint vinha da televisão quando fez sua estreia no cinema e começou logo ganhando o Oscar. Dirigida por Elia Kazan e contracenando com Marlon Brando, ela foi Eddie em Sindicato de Ladrões, filme tão importante quanto controvertido.

Eva Marie Saint está em dois dos maiores filmes realizados na década de 1950. Primeiro, em Sindicato de Ladrões, no qual Elia Kazan, notório delator de comunistas, se debruça sobre o tema da delação. Depois, aparece ao lado de Cary Grant em Intriga Internacional.

Intriga Internacional é um dos melhores filmes de Alfred Hitchcock. É considerado uma das suas obras-primas. Na trama, acompanhamos a perseguição a um homem inocente, e Eva Marie é Eve Kendall, que está junto do personagem central em sua fuga pelos Estados Unidos.

Antes que os anos 1960 começassem, Eva Maria Saint já havia sido dirigida por Fred Zinnemann e por Edward Dmytryk. Em 1960, sob Otto Preminger, fez Exodus, adaptação para a telona do best-seller de Leon Uris.

Em Exodus, Eva Marie Saint é protagonista como Kitty Fremont e divide o protagonismo com Paul Newman. O filme trata da criação do Estado de Israel e, hoje, diante do genocídio que Israel comete contra palestinos na Faixa de Gaza, talvez comporte uma reavaliação.

Na década de 1960, Eva Marie Saint trabalhou com Vincente Minnelli, Norman Jewison e Robert Mulligan, todos, grandes diretores. Mas, no cinema, sua carreira não tardou a entrar em declínio. Tinha 90 anos, em 2014, quando se despediu do mundo dos filmes atuando em Um Conto do Destino.