Com protestos, Ferroviária repudia ato de racismo sofrida por jogador do Sub-15


Com protestos, Ferroviária repudia ato de racismo sofrida por jogador do Sub-15

Os protestos aconteceram em todos os jogos da Locomotiva, seja no masculino ou no feminino

A Federação Paulista de Futebol (FPF) também fez questão de se pronunciar sobre o caso, repudiando qualquer forma de intolerância ou ódio

Categorias: Futebol Interior

Por: Agência Futebol Interior, 07/06/2022

Ferroviaria Serie D Com protestos, Ferroviária repudia ato de racismo sofrida por jogador do Sub-15

Araraquara, SP, 07 (AFI) – Depois de um de seus atletas sofrer racismo em uma partida do Campeonato Paulista Sub-15, contra o São Carlos, na casa do adversário, no Estádio Luisão, no último sábado (04), a Ferroviária repudiou em nota e fez protestos em todos os seus jogos, seja no masculino ou no feminino, contra o acontecimento.

Nos protestos, os jogadores estão levantando o braço direito com o punho cerrado. Isso aconteceu na Série D, contra a Caldense, em casa na Arena Fonte Luminosa e com as Guerreiras Grenás em Caçador (SC), no duelo do Brasileirão Feminino contra o Avaí Kindermann.

“Racismo não! Na partida de hoje (4), entre São Carlos FC e Ferroviária, válida pelo campeonato Paulista sub-15, no estádio Profº Luiz Augusto de Oliveira, em São Carlos, um torcedor proferiu palavras racistas contra um jogador da AFE. A Ferroviária acionou a polícia local e o indivíduo foi detido e levado para a delegacia. A Ferroviária manifesta publicamente sua posição contra qualquer forma de discriminação. Racismo se combate, denuncie: 0800 77 25 377. Racismo não!”, postou o clube.

A Federação Paulista de Futebol (FPF) também fez questão de se pronunciar sobre o caso, repudiando qualquer forma de intolerância ou ódio. “Denúncias recebidas pela FPF, além de investigadas pelo Tribunal de Justiça Desportiva e autoridades, são encaminhadas também ao Comitê de Integridade da FPF, órgão criado em 2016 formado por membros da entidade e de autoridades ligadas à Justiça Desportiva, polícias e Ministério Público”.

Confira também:

Fonte: www.futebolinterior.com.br/com-protestos-ferroviaria-repudia-ato-de-racismo-sofrida-por-jogador-do-sub-15